tracejando os traços no compasso
 
InícioPortal*FAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 A trama

Ir em baixo 
AutorMensagem
O criador
Estudante
Estudante
avatar

Alerta :
0 / 1000 / 100

Mensagens : 2739
Pontos : 3324
Data de inscrição : 23/11/2011

Cartão Ninja
Personagem: Goku q
Hp:
500/1000  (500/1000)
Chakra:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: A trama   Qui Set 17, 2015 1:16 am


Todo o mundo sabe da história de Uzumaki Naruto. Em uma época de profundo aperto ele uniu o mundo conforme ele estava contra um inimigo comum. Era um ninja detentor de poderes extraordinários, por si só, além de ser jinchuriki e ter assim uma reserva extra de poder para o complementar. Não foram poucos os que o compararam com uma lenda mais antiga ainda, o sábio dos seis caminhos, apesar de este ter sido, alegadamente, mais poderoso ainda. Mas aquilo que tornava o adolescente Uzumaki realmente extraordinário era o poder das suas emoções. Não foi pela força, mas sim pelo amor e pela convicção que ele uniu as principais nações e respectivas vilas shinobi, contra o revolucionário Uchiha Madara e seu exercito de 100.000 zetsus. Tudo isto com apenas 16 anos.

Mas a história é feita de guerras e relatos dos vencedores das mesmas, existem sempre coisas desconhecidas ou propositadamente deixadas de fora. Também por isso é que se geram lendas, por vezes até dificeis de acreditar por parecerem tão impossiveis. Mas este caso todo o mundo conhece, o valor e os ideais de Uzumaki Naruto foram reconhecidos mundialmente e ele eventualmente chegou a Hokage. E, mais extraordinário ainda, quebrou o ciclo de ódio que outros antes dele haviam tentado destruir, cada um da sua forma particular. Com a total aliança de todos os países e vilas shinobi, estas foram assim tornadas obsoletas e deixaram de ser. O sonho de Senju Hashirama, de que as crianças dos clãs não tivessem de lutar entre si, foi cumprido, ao mesmo tempo que o sonho de estabelecer a paz entre todos os clãs e vilas.

Agora eu pergunto-vos: Mas o que é um país, sem a sua força militar? Como se pode convencer um daimiyo preocupado com o bem estar das suas fronteiras e das suas populações a desistir da única coisa que assegura a sua segurança? É preciso ter em conta a natureza do ser humano, da qual fazem parte tanto os sentimentos positivos quanto os negativos. E é preciso ter em conta que no panorama geral existiam, não um, mas dois interesses em acção. Se por um lado os shinobis não temem pessoas comuns, mesmo que sejam forças militarizadas, as pessoas comuns continuam a temer-se umas ás outras. Sem ninjas que justificassem o trabalho dos ninjas adversários, o sistema shinobi não fazia sentido e foi prontamente terminado. E, pressionados pelos acontecimentos, os Damiyos concordaram com os termos e estabeleceram tal aliança. Mas bastaram cinquenta anos para que os seus sucessores procurassem aumentar a quantidade de forças militares regulares de que dispunham, já não possuíam as vilas ocultas para os proteger. Cada país com receio dos exércitos inimigos, apostava outra e outra vez nas suas forças, em uma espécie de "guerra fria". Com tantos recursos bélicos preparados e engatilhados para qualquer eventualidade, o mínimo incidente politico bastaria para gerar um estado de caos. Os países apostaram na espionagem, na diplomacia, na contra-espionagem. Por detrás das cortinas e através do velho sistema de casamentos, estabeleceram alianças secundárias para a eventualidade de a aliança geral se quebrar. Com tantas preparações para a guerra, em todo o lado, ela acabou por explodir mesmo. Em primeiro lugar, exercito contra exercito. Em segundo, tecnologia contra tecnologia. E por fim, quando as opções começaram a escassear, recordaram-se do verdadeiro sistema de defesa de que tinham abdicado sem real razão. Cem anos se haviam passado, não restava ninguém vivo do tempo de Uzumaki Naruto. E por isso as pessoas não se lembravam da razão pela qual tinham abdicado do melhor sistema de defesa e guerra que alguma vez tinham possuído. Assim renasceram as vilas shinobi, não existindo mais as antigas Cinco Grandes Nações, já que agora apenas Konoha, Kiri e Oto são vilarejos ocultos de grande porte.


O criador.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
A trama
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» ♦ Nossa Trama
» TRAMA DA FAMÍLIA
» Trama
» OS QUATRO VENTOS - TRAMA
» {Trama Pessoal} Thief

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Traços Atentos :: Diversos :: Administração do RPG-
Ir para: